Gotham

Lady Gaga está chocada. A artista que em 2013 trabalhou com R. Kelly percebeu, agora, que o rapper está a ser acusado de crimes como abuso sexual de menores e escravatura sexual de mulheres.

A imprensa internacional avançou com as acusações que estão a ser dirigidas à pessoa do cantor e Lady Gaga não hesitou em demonstrar a sua solidariedade para com as vítimas, por meio de um sentido pedido de desculpas.

Em comunicado começou por escrever: “Apoio qualquer um que já tenha sido vítima de abuso sexual: estou 100% com essas mulheres, acredito nelas, sei que elas estão a sofrer e acredito que as vozes delas devem ser ouvidas e levadas a sério. O que tenho ouvido das alegações contra R. Kelly é absolutamente horrível e indefensável”.

A artista confessou, ainda, a intenção da música ‘Do What U Want’: “Como vítima de abuso sexual, fiz a música e o vídeo durante um período sombrio da minha vida, as minhas intenções eram passar algo extremamente desafiante e provocante, porque estava com raiva e ainda não tinha processado o que tinha acontecido na minha própria vida”, confessa.

Para demonstrar a sua real posição em relação à situação, Lady Gaga vai eliminar o trabalho feito em parceria com R. Kelly de todas as suas plataformas de compra e streaming.