Foi numa conversa plena e sem filtros com Júlia Pinheiro que Graça Peralta falou sobre a experiência no 'Casados À Primeira Vista' e do relacionamento com Zé Luís.

Começou por ver o programa australiano e decidiu inscrever-se no formato da SIC e diz que lhe saiu "um senhor muito bem apessoado". Aliás, Graça Peralta chegou a comentar, em tom de brincadeira com as amigas, que "só com a voz dá conta do recado", recorda.

Sobre a famosa discussão sobre as lides domésticas, Graça afirma que apenas não gostou da forma como o 'Conde', como ficou conhecido, lhe falou. Ele oscila entre o grande cavalheiro e o rude, o que é pena”, revela.

Graça admite que Zé Luís acabou por gostar da forma como a mulher vivia a sua vida, mas que quando ficavam sozinhos, fechava-se.

Explica ainda que houve química sexual, que "os corpos falaram mais alto" e foi muito agradável a primeira noite. Assim pensou que ia continuar quando partiram para a lua de mel em Cabo Verde.

Ele contou o passado menos agradável da vida dele. Achei fantástico, mas contar isto, ele menorizou-se um bocadinho”, avança.

Sobre a preocupação que Zé Luís tinha com a masculinidade, Graça Peralta nota que apesar das conversas que tinha, o 'Conde' mostrava-se sempre em alerta sobre a parte sexual. Ora veja o vídeo acima!

Sou capaz de amar um homem impotente, mas não um que me ignore”, começa por dizer. Eu sou confiante com o meu corpo porque um homem que vai estar intimamente com uma mulher de 55 anos a achar que ela tem um corpo de 20 é um idiota!", afirma, arrancando risos de Júlia Pinheiro.

Mas apesar de tudo isto, haverá hipótese de uma reconciliação? O que não resultou? Graça Peralta admite que houve uma altura em que era possível, espreite o vídeo abaixo e surpreenda-se com a resposta.

E saiba aqui, quais foram as paixões anteriores de Graça Peralta e o casamento de 20 anos que não resultou, depois do marido lhe ter confessado que não conseguia ter apenas uma mulher.