Joaquim Bastinhas

Joaquim Bastinhas

DR

Joaquim Bastinhas morreu na segunda-feira, 31 de dezembro, aos 62 anos, no Hospital da Cruz Vermelha, em Lisboa. O cavaleiro tauromáquico estava internado desde o início de novembro, quando foi operado a um pólipo nos intestinos. Seguiram-se algumas complicações, chegou a estar em coma induzido e acabou por não resistir.

O jornal Correio da Manhã adianta que o genro do comendador Rui Nabeiro “apanhou uma bactéria hospitalar” que não conseguiu combater.

Amigos e familiares prestam-lhe uma derradeira homenagem esta quarta-feira, dia2. Para as 11h00 está marcada uma missa no Santuário do Senhor Jesus da Piedade, em Elvas, a sua terra natal, e o corpo segue depois para o cemitério local, onde será sepultado.

Joaquim Bastinhas tinha comemorado o 35.º aniversário de alternativa em 2018, um ano especial por ter marcado o seu regresso às arenas depois de um grave acidente com uma máquina agrícola que sofreu em 2015, na herdade da família, no Alentejo. Era casado com Helena Maria Gonçalves e deixa dois filhos: Ivan Tenório e Marcos Tenório Bastinhas, que lhe seguiu as pisadas no mundo da tauromaquia.