Ágata com o filho mais velho, Marco de Sousa Caneira

Ágata com o filho mais velho, Marco de Sousa Caneira

Facebook

Marco de Sousa Caneira, o filho mais velho de Ágata, foi condenado a seis anos e meio de prisão efetiva pelo crime de violação agravada a uma menor de 14 anos, segundo avança o jornal Açoriano Oriental.

O caso remonta a setembro de 2016, após uma festa popular na localidade de Povoação, nos Açores. Conforme o que a vítima relatou às autoridades, Marco levou-a à força para um dos gabinetes da junta de freguesia daquela localidade, obrigando-a a fazer sexo oral e anal.

Marco de Sousa Caneira estava também acusado dos crimes de pornografia de menores e importunação sexual por ter enviado fotos suas, sem roupa, a uma outra menor, prima da vítima.

O julgamento do filho de Ágata, que não esteve presente, decorreu em Ponta Delegada à porta fechada. O suspeito pode ainda recorrer da decisão do tribunal.

Recorde-se que, no passado, Marco de Sousa Caneira já foi condenado a indemnizar uma ex-namorada em dez mil euros, por um filme de sexo caseiro feito de forma consentida pelos dois ter ido parar a várias páginas de internet que se dedicam ao negócio da pornografia.