Ontem, dia 22 de outubro, José Castelo Branco comentou, nas redes sociais, as mais recentes acusações que Francisco d'Eça Leal dirige à cantora Maria Leal.

O Marchand d'art começou por expor a sua admiração: “Se há uma coisa de que eu não gosto é de mentira. Estou chocadíssimo. Acabei de ver uma notícia sobre a famosa Maria Leal, que me telefonou há uns anos atrás, estava eu no hospital com a Betty. Foi extraordinariamente simpática e contou-me uma história que agora venho a descobrir que é tudo mentira. Ela disse-me que era filha do visconde de Maiorca D'Eça Leal. Para quê Maria?”

Entretanto desenvolve a situação que viveu com Maria Leal e deixa-lhe um aviso: “Chegou a falar-me da tia Mariazinha, uma senhora de maior respeito, mas para quê? E porque é que fez mal ao pequeno? Não acredito que tenha tido essa coragem, como é que é possível? Sabe que a mentira tem a perna curta. (…) Não vai a lado nenhum dessa forma, converta-se!”.

Para finalizar a série de vídeos rematou: “E o pior (...) a menina gastar aos 1500 e 2000 na loja do chinês? Por amor da santa, eu também vou à loja do chinês, mas vou comprar lingerie, eu adoro, porque é usar e deitar fora”.