Pool/Samir Hussein

Antes de se tornar duquesa, Meghan Markle levava uma vida comum e, ao que parece, houve algo que não lhe deixou saudades.

A mulher do príncipe Harry era utilizadora assídua das redes sociais mas, ao entrar para a família real britânica, abandonou o hábito. A verdade é que Meghan diz que essa atividade nada lhe acrescenta e que foi "libertador" abandoná-la.

As revelações foram feitas no quarto dia da visita oficial a Sydney quando, em conversa com a comunidade de surf OneWave e com a residente Jessina Oakes, a ex-atriz debateu a experiência de abandonar todas as redes sociais - Instagram, Twitter, Facebook, e ainda o blog de lifestyle The Tig -. Da conversa, Oakes revela: "Ela disse uma frase muito bonita - 'o elogio e a crítica passam pelo mesmo filtro'. E disse que foi muito libertador deixar as redes sociais, bem como o quão maravilhoso é que a OneWave esteja a criar essas ligações com as pessoas e a ajudar-nos uns aos outros".

Na altura em que Meghan usava as redes sociais, mostrava vários momentos do seu dia aos seguidores: a luxo em que vivia, incluindo a casa que alugava em Toronto, quando filmava Suits. Saiu das redes, mas não abandonou o telemóvel que continua a usar para manter contacto com a família e os amigos, como foi possível ver na passada quinta-feira à saída de Melbourne.