Israel foi o grande vencedor da 63ª edição do Festival da Eurovisão, que decorreu pela primeira vez em Portugal. Netta Barzilai levou o troféu para casa ao interpretar o tema Toy, e quem ficou bastante contente com esta vitória foi Maria Vieira.

A atriz portuguesa partilhou a sua opinião na sua página de Facebook e teceu duras críticas a Salvador Sobral,que dias antes da final da Eurovisão classificou de "horrível" a canção de Israel.

"Acabo de saber, através das redes sociais, que Israel sai vencedora este ano com uma canção desta miúda gordinha e muito simpática e não quis deixar de vir aqui manifestar a minha enorme alegria pela vitória de Israel, por tudo e por mais alguma coisa, mas sobretudo por saber que os idiotas do Bloco de Esquerda que andaram a boicotar a canção da miúda de Israel, saem humilhados e esculhambados pelo resto da Europa que elegeu a canção do país que eles detestam mas que o resto do mundo admira pela coragem, pela determinação e pela resistência contra aqueles, muitos, que os querem destruir! Hoje e sempre eu serei ISRAEL!!!!", sublinhou.

E logo em seguida seguiram-se as críticas a Salvador Sobral que, em virtude da vitória no ano passado, entregou o troféu à representante de israelita. “Que prazer tão grande eu tive por ver na NET o IDIOTA, sim, o IDIOTA do Salvador Sobral (que vergonhosa e lamentavelmente disse mal desta miúda vencedora) ter que engolir um sapo do tamanho de um elefante e que entregar o troféu àquela que ele desrespeitou e tentou descredibilizar e humilhar!!! Isso foi o melhor que este festival da Eurovisão teve, com toda a certeza!”, concluiu.